Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro 1, 2017

Parece engraçado, mas não é...

Dá vontade de rir, com certeza dá, mas é verdade. 
Não estique o fio demais, porque pode arrebentar. Cuide-se, porque pode machucar.
Reverencie seu corpo e alma, porque são presentes valiosos.
Não deixe de lado o amor próprio, porque ele sustenta.

E se ainda não percebeu que vive no vazio, livre-se das amarras e veja o quanto a liberdade vai fazer de sua vida alguém especial, porque especial é ser livre e não viver no cativeiro como se fosse um castelo rico, porém assustador.

Pule fora enquanto é tempo, do que te aflige. Não insista, a vida mostra e como mostra, mas perceba como você muitas vezes vira a face e somente para não enfrentar a verdade...

Verdade dói, claro que dói, mas se enfrentar, vai sentir que dentro de si existe muito mais do que migalhas e que nem elas aguentam mais alimentar situações que só perturbam ou mesmo faz chorar e dilaerar a alma...
Beijos
Beth Valentim

Apenas um recadinho...

Tem sentimentos múltiplos e não sabe o que fazer? Então não faça coisa alguma. Guarde-os, misture-os com saliva e engula por enquanto e quando for a hora vai saber como reagir, dizer o que pensa ou mesmo calar-se para sempre...
Beijos
Beth Valentim
figura reproduzida

Um dia de fé...

...E mesmo que não seja como a nossa vontade, que seja aceito, Amém... figura reproduzida Às vezes interpretamos um não de Deus como castigo, mas não é assim. Com certeza está nos poupando de certas coisas inimagináveis que poderiam acontecer. Verdade, somos egoístas e achamos que devemos ter tudo, mas se olharmos para trás, observamos o quando Ele já nos concedeu.

Antes eu também era assim. Imaginava estar sendo punida, mas era proteção. Olhava certas vidas e pensava comigo mesmo, "por que não eu"...E de repente veio uma resposta dentro de mim: "Porque eu"...Sim, por que Ele deixaria eu passar por tantas coisas se pode me poupar. Viver tragédias ou mesmo desafetos se posso ser mais feliz.

A vida é mesmo repleta de desacertos e temos que começar a entende-los, porque não são alguns deles que irão demolir o que conseguimos construir. Pelo contrário, temos que cuidar, polir os sentimentos, respeitar o que acontece, olhar para frente e começar de novo, sempre...

Um dia de …

"Faça a sua parte" ...Como colunista da Revista "Bem- Estar"...

Como colunista da Revista Bem-Estar do jornal Diário da Região, São José do Rio Preto, São Paulo
Aqui está o nosso texto de hoje como Post do Blog. Escrevo com o maior carinho para esse meio de comunicação que muito me honra por publicar meus artigos. É com desejo de que a mudança venha nesse ano que aqui estão essas palavras. Beijos Beth Valentim figura reproduzida

Bom mesmo é deixar para lá...

...E já é bem difícil, concorda?... figura reproduzida Então, existem amizades que são realmente polêmicas, mas no entanto, as pessoas se gostam. Como explicar se trás sofrimento e algumas consequencias. Pois é, fazer o quê se a vida nos impõe certas coisas, não é?

Tem dias que a pessoa trata você super bem, já outros....Sim, como lidar com esses desafetos, oscilação de humor, características tão binárias e muitas vezes até múltiplas.

Tenho observado que pessoas assim podem ser até bem sucedidas, inteligentes,  mas sempre carregam alguma frustração. Esse "buraco vazio" faz diferença, porque para quem tem autoestima bem trabalhada, lidar com essas situações é muitas vezes extremamente complicado. E será que possuem mesmo autoestima bem trabalhada?

Com o tempo aprendi que pessoas que agridem as outras são pessoas inseguras e desejam firmar suas opiniões e atitudes dando ordens, falando grosseiramente e por aí vai. No fundo a autoestima que parece ser alta é fachada e cai por terra …

Recadinho de início do ano...

Diga sim aos seus desejos e corra trás, porque sozinhos eles não serão realizados. Beijos
Beth Valentim
figura reproduzida

De pernas para o ar...

,,,Boa noite de domingo... figura reproduzida Não sei como foi seu primeiro dia do ano, mas o meu foi ótimo. Talvez um domingo diferente e cheio de paz...de coisas novas e ideias também renovadas. Sentimentos que coloquei a prova após as orações de ontem a noite. É verdade, ontem na passagem do ano eu rezei, pedi uma Palavra a Deus e levei susto com o que me disse.

 Segredo? Não, jamais poderia guardar somente para mim...Ele falava da ceia, sim, não havia tirado essa Palavra. Conversava com Pedro e dizia a ele que não pode esperar por uma hora enquanto se afastou, porque voltou e estava cochilando. Bem, entre outras coisas que li nessa passagem, Ele mostrava-me que deveria tomar contar, assim como estava ali escrito: "Orai e vigiai". 

Pois é, esse ano não quero "dormir" e sim vigiar. Vigiar minhas palavras, pensamentos, coisas que rolam dentro de mim como pedras aquecidas e que me deixam às vezes meio doida. Quero cerrar ainda mais os lábios e deixá-los quietos por qua…