Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março 30, 2014

ser diferente...a impetuosidade da vida...

...Se aceitar é o maior mérito de alguém que deseja realmente ser feliz... figura reproduzida Não é mesmo para qualquer um, mas viver é ser ousada, ousado, saber estar na vida com o desejo do descobrimento, olhar para frente e enxergar muito mais do que o que estiver a sua frente pode mostrar, é um risco, mas dos melhores. A liberdade é mesmo um sentimento envolvente. Empurra, faz a gente se mexer e dinamizar os dias. E quem tem asas para voar sabe que não dá para segurar essa motivação, o querer de estar sempre inovando, a militância do viver, entender que hoje pode ser difícil, mas amanhã é outro dia. Talvez as pessoas estranhem seu modo de ser. Te achem louca, louco, até se afastem porque não conseguem acompanhar sua força de viver. Mas uma coisa é certa, se estiver com a certeza de que é assim que sua existência pede para ser feliz, siga em frente, não dá para usar uma outra pele quando a sua tem essas características. Ser diferente é bancar isso. Desafiadora, desafiador, subir colinas…

um dia de fé...

...Aquele dia de fé...Só rezando, agradecendo e entendendo o tempo de Deus... figura reproduzida Hoje é um daqueles dias que o coração fica repleto de amor, de agradecimento, de felicidade genuína. Aquela sensação de que a vida é maravilhosa mesmo com seus contratempos e por essa razão acordei emocionada por vários motivos. Poder abrir os olhos e enxergar. Poder escutar os pássaros e o barulho do mar. Poder sentir o vento em meu corpo a me acariciar. Poder me alimentar. Sentir. Viver. Chorar...Ah, quantas coisas podemos ser em dias especiais. Naqueles mais ou menos? Deixa-os ir, eles vão e fizeram sua parte como foi possível.


Amado Senhor que nos concede tanto e nem sabemos aproveitar.

Amado Senhor que construiu belezas e passamos direto olhando para o celular, digitando, tendo que nos distrair tanto quando tudo em volta é cintilante de belezas...

Obrigada meu Pai por existir em Sua vida. Por ter me feito nascer e entender que tudo isso por aqui é meu também e tenho que cuidar, desfrutar. …

aquele dia de poucas palavras...

...Fica quietinha, quietinho, vale a pena dar o silêncio como resposta, acredite... figura reproduzida Você está doida/o para botar fogo na lenha e depois ficar desesperada/o, não é mesmo? Atiçar a pessoa, telefonar para instigar e rever o passado e depois vai passar o dia inteiro remoendo o que ela falou ou o que não falou e de nada serviu o uso de suas palavras que tão bem estavam guardadas.

Sabe? O tempo passa e a gente aprende. Aprende a fechar a boca quando até podiam sair algumas letras. Deixar de lado as respostas que não agregam. Saber ouvir e sem julgar não responder a insultos, desesperos alheios, enfim, aquele dia de poucas palavras é desse jeito. O tal silêncio dos sábios e ponto, nada mais seria bom desenvolver para que incluísse em sua lista de afazeres.

Não tem jeito, com o tempo a gente aprende que quanto mais o silêncio reina em seu castelo, mas a paz está presente. E na época dos embalos de trocas farpadas, era simplesmente o caos. Vivendo e aprendendo, se estiver em um …

enquanto os meus desejos caminham...

...Existem caminhos assim, onde as luzes substituem as trevas, acredite. figura reproduzida Em meu caminho existem muitas pedras toscas, mas em meus passos as vejo como pedras preciosas.
E na motivação de viver, vontade de chegar onde quero estar, a beleza dos meus desejos  transforma essas pedras em brilhantes, tantas outras pedras que brilhariam por onde passo em vez das que apedrejariam meus sonhos.

Aprendi há algum tempo a perdoar porque é bom para mim. Talvez aquela pessoa jamais me perdoe, nem tente entender seus próprios erros, mas estou de bem com esse sentimento e depois desse rumo, o que me fez conseguir fazer a tal transformação, passar a enxergar diamantes em vez de pedras toscas, então,  foi a bênção que ocupou meus dias e aliviou tantos obstáculos inúteis.

Não adianta tentar orientar os desejos do outro como se fossem seus. Cada pessoa faz as suas próprias escolhas. O melhor a fazer é cuidar dos seus, tentar orientar para que sigam pelas curvas perigosas como se fossem amena…

isso mesmo, segura o coração...

...Saber controlar as emoções é mesmo coisa de gente grande, aprenda, você é o líder de sua vida... figura reproduzida Você desperta e sente aquela vontade doida de entrar em contato com alguém do passado. Imagina que como o seu coração perdoou tudo que passou, o outro coração também teria perdoado. E quando resolve entrar em contato, percebe que aquela pessoa é a mesma, nunca mudou e sequer refletiu sobre o que fez, muito pelo contrário, se desfaz em mágoas, diz estar zangado por tudo que aconteceu há anos, e, o que acontece com uma pessoa assim? Guarda tudo e tudo mesmo, como se fosse o tesouro do seu mundo ou apenas sua alma guarnece lixo e destroços. Segura o coração, porque quando se fala com alguém que já mexeu com a gente, não se mata a saudade, desperta a saudade. Mas também depois do maremoto você percebe que fez a coisa certa. Saiu de cena. Impediu que sua vida fosse invadida por lama. Optou pelo céu e jamais pelo inferno. Isso mesmo, seu coração vale ouro. Ele deseja ser feliz,…

e quando o amor vem e vai...

...Ele chega disfarçado, te pega de jeito e então...só com uma decisão acertada você se despede do amor... figura reproduzida E quando o amor veio a nós pela segunda vez e mentiu para nós pela segunda vez, decidimos nunca mais amar novamente, isso era justo, justo com a gente e justo com o amor.


Li uma frase mais ou menos assim certa vez. Ela me pegou de impacto, me fez pensar em como o amor tem mesmo suas vaidades. Ele chega, se aproxima e faz com a gente o que jamais pensamos que algo ou alguém pudesse nos fazer. E depois de um tempo em que você se despede do tal, ele retorna e te vira de ponta a cabeça e quando estava supondo que ficou na geada da última estação, pelo contrário, ele vem com as labaredas da quentura de um tórrido verão.

Mas quem não tentaria uma outra vez...a segunda, a próxima conquista e desejo de que ele, o amor, fosse refeito, ajustado. No entanto ele veio e mentiu para os dois envolvidos, pela segunda vez, e, decidir não amar mais novamente é um sinal de justiça co…

o que uma cena de amor faz com a gente...

...Difícil é esquecer algo assim...Aiai... figura reproduzida Como definir o amor. Talvez nunca possamos entender o que realmente o amor faz com a gente, como nos transforma, nos deixa mexidos, mas quando uma cena de amor é bem feita, de filme ou de novela ou de teatro, não importa, ela toca profundamente a alma.

Aquele homem perdidamente apaixonado pelo corpo de uma mulher. O degustar dos desejos. Os olhares que como sintonia perfeita se encaixam, se perguntam se respondem. Fico a imaginar coisas malucas quando assisto algo assim e confesso, mexe demais comigo, até a raiz do cabelo, o fio de ouro das teias do coração ou as pontas do espirito acenam.

Uma cena de amor desperta a saudade que parecia estar adormecida. Faz transbordar falas, silêncios, coisas entre duas pessoas que somente eles conhecem. As mãos que entrelaçam quando no ápice da paixão elas precisam parecer segurar o que sentem. Os sussurros que como alívios entoam ou encantam os momentos em que suores, fluidos, marchas de pa…

dia de pernas para o ar...

...Mais um domingo especial.... figura reproduzida Mais um domingo, dia especial, pelo menos eu tenho certeza de que agora e nas próximas horas tudo pode acontecer. Emocionar. Sorrir. Encontrar. Trocar. Viver momentos de lazer sejam quais forem, e, criar motivos para ser feliz cada vez mais.
Você ainda está em casa do mesmo jeito que ontem, cabisbaixo, sentindo as consequências de uma dor que sofreu na semana. Por favor, tome banho, se vista adequadamente e siga em frente. Vá ao cinema, teatro, a praia, ao parque...Prepare um encontro em família, reze em algum lugar bonito...Sinta a presença da vida te abraçando porque ainda dá tempo de fazer diferente e começar a semana de jeito especial.
Domingo é assim, um dia descolado, reflexivo, solto, sei lá, ele pode ser de qualquer jeito, mas jamais choroso, inventado às avessas ou mesmo preguiçoso daqueles que não agrega.
Combinadíssimo, então...Pode começar a viver seu dia de pernas para o ar!
Beijos
Beth Valentim