Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Agosto 23, 2009

o sobe e desce dos sentimentos...

...oscilar o humor, amar e odiar em menos de 1 hora, vai fazer você entrar em fadiga... ... se o seu mal é esse, esteja alerta e procure ajuda... Hoje estou assim, e amanhã me sinto totalmente diferente.Mas tem gente que se sente oscilando de um momento para o outro, e, quanto sofrimento quando esse estado de diferença de humor faz com que se torne refém de coisas como - fazer sexo demais, beber demais, comer demais, fazer ginástica sem parar horas por dia...e todos os muitos comportamentos que podem prejudicar a saúde. Mas o que vamos falar por aqui hoje, são as mulheres que vivem ao lado de homens tarjas-preta, e,que só se sentem bem quando dão uma de malandro ao lado dessas ingenuas almas femininas.É uma compulsão destruidora estar sempre ao lado de quem faz sofrer. Ao sentir que caiu na armadilha, chora, jura que não mais será essa "bobinha" e, logo depois, telefona para o primeiro lobo mau da lista de seu celular. Ele? Sai correndo de sua floresta e vai comer a menininh…

um tipo de amor...

...tire a venda dos olhos e pergunte a si mesma - é preciso continuar? você deve ter muito mais a fazer do que imagina... ...é só querer enxergar.... Senti saudades do tempo em que era apenas adolescente e deixava tudo acontecer só para acontecer. Não tinha obrigações. Não ficava contando dinheiro para comprar aquela calça jeans que me fazia ficar com o corpo sensacional. Ìa para a escola, depois ingressei na faculdade. Me formei e fiz estágio. Lá conheci Elias, um estudante de Direito muito interessante. Era descolado, ao mesmo tempo trabalhador. Adorava curtir as coisas boas da vida, e, uma delas era eu. Saímos juntos e nos apaixonamos. Viajávamos com os amigos, fizemos mochilão. Intercâmbio. Éramos uma dupla animada e repleta de sonhos e metas para o futuro. Casamos. Com 20 e alguns anos fui mãe. Trabalhava, estudava para o MBA e cuidava do filho. Ele andava no meu colo por onde ía. Me sentia cansada, muito mesmo. Mas quando se é jovem assim, tudo fica mais fácil. Aos 36 anos estava e…

momento de fé...

...se estiver em conflito, não se desespere... reze, confie, tenha a força necessária e procure ajuda ... não fique abatida, porque dentro de você estão todas as respostas...claro, muito iluminadas por Deus... quando lampejarem, siga-as!... Olhei para o céu e pedi as estrelas que me conformassem com a situação que vivo. Se podiam me ajudar a trafegar por entre as nuvens e conseguir bater à porta do Senhor. Eu queria conversar com Ele, dizer que sempre erro e que tenho vergonha do que faço. Pois bem. Noites e dias falando com o Altissimo parece que, enfim, Ele resolveu responder. Não com as letras do "BeaBá" normais, mas com o discernimento. Fui a um lugar para ficar sozinha e refletir. Tentar entender a confusão que estava fazendo com a minha vida - uma hora isso é certo, outra já não é mais...e meu ser parece explodir nessa doideira toda de idéias divagando em minha mente. Em certo momento alguém entrou nesse espaço tão bonito e começou a falar. Dizer coisas incriveis para…

caí de novo...e daí?

...descer alguns degraus não quer dizer que tudo está perdido...ao contrário, você pode ter aprendido - e muito - sobre a sua vida... Caí de novo. Na tentação de voltar a estar com ele. Como o coração dá voltas, fiquei meses dizendo “não” e em um segundo mudei tudo. Dormi abraçada, fizemos amor, beijos intermináveis. Mas uma coisa eu percebia, já não era como antes. No passado me contorcia em seus braços. Queria ficar no seu peito para sempre. Sua risada, seu jeito me faziam ficar boba – literalmente. E enquanto tudo acontecia, eu conseguia ver de fora que nada era como antes. Que a dor que passei me fez ficar meio fria, talvez mais combatente em minhas fragilidades. Acho que ele tem certeza que estou de 4 de novo por ele, mas não é verdade. Gosto de sua companhia, mas paratransar com êxtase é preciso paixão, e, esta, não é mais a mesma. O que ficou foi um sinal dela em minha memória afetiva. Uma coisa como não querer ficar distante, amizade, um laço sem explicação. No entanto, como a …

postagem de hoje...

Daqui a pouco a postagem vai ao ar... Me aguardem... bjks de amor beth valentim

reflexão...

...não se desespere, pode ter certeza que tudo passa... às vezes a ferida é grande demais, no entanto dê uma trégua para o seu coração... pendure-o para secar, porque ele está encharcado de muito chorar de dor... Dias péssimos. Meu estomago parece um nó dentro de mim. A garganta aperta mais do que devia. Nem sei mais o quê dizer diante desse quadro aonde pintei e estampei a minha vida. Seria eu masoquista? Despreparada? Tão sentida com minha história passada que não consegui ainda me livrar dos temas que me impedem de crescer? Durante a noite meu sono desperta e os pesadelos me fazem suar. Tremo. Dói. Fico mal e demoro demais a dormir de novo. Fico imaginando a razão de carregar essas pedras na mochila presa às minhas costas. Choro. Me estresso. Alucino. Tenho lampejos de vontade de voltar atrás, mas sei que agora não dá mais. A gente custa a resolver algo na vida...Sinceramente? Jamais pensei que fosse tanto tempo assim. No amor eu era praticamente virgem, pelo menos imaginava ser. O qu…

mensagem para o meio do dia...

...poupe as palavras para não se arrepender depois... "O amor não faz o mundo girar, o amor é o que faz a viagem valer a pena". Elizabeth Barret Browning Se a sua manhã não foi tão boa assim, leia e releia essa frase e embarque em uma tarde com comportamentos menos ansiosos e tenha mais tolerância às fragilidades do próximo... Você vai se sentir muito melhor e agregando valores positivos aos relacionamentos. Se foi grosseira com alguém na parte da manhã, telefone e peça desculpas. Se não conseguir, peça perdão a Deus e reze para não mais dizer palavras que possam machucar alguém... E tenha uma ótima noite. bjks de amor beth valentim

reparação...

...você pode fazer muito mais do que imagina por sua vida...blefar, planejar, decidir, reencontrar a felicidade...mas ganhar o jogo é fundamental... Sou Sula, mulher que aos 40 anos resolveu dar as costas a uma performance agarrada a um casamento no civil e no religioso regado a festa, pompas e circunstâncias. Tive dias de repugnância, de sexo bom, de sonhos e desejos hipócritas. Sofri, sorri e levantei inúmerasvezes para começar de novo... E no que dava? Aqueles meus sonhos antigos, de ser chamada de meu amor, de querida, ser acariciada na época de minha TPM, ruíram. Eu juro! Esperei anos por atitudes que não foram exteriorizadas pelo homem que achei ser meu companheiro até que a morte nos separasse.Enfim, rolei na cama muitas noites. Previ os olhos arregalados de minha família. Da sociedade me dizendo – mulher largada - sem pelo menos tentar imaginar o que passei durante quase 20 anos.Dane-se! Blefei as coisas que estavam bloqueadas em mim desde a infância. Nem fiz as contas dos me…

lembrete especial...

Olá meninas!Amanhã dia de postagem de nosso blog... Enfim, estamos de volta às nossas trocas maravilhosas....e tão femininas... bjks de amor beth valentim ps: Aproveitem o dia para se inscreverem nos "seguidores do coisa de mulher" Meu coração agradece...