Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho 13, 2008

cantadas "over" demais...

Tem uns caras por aí que fazem de tudo para "encantar" as mulheres:
- "Oi princesa!"
- "Seu cheiro me deixa hipnotizado".
- "Que mulher é essa?"
E por aí vai...Pior é quando começam a soltar aquelas pérolas que fazem brochar qualquer contato entre um homem e uma mulher:
- "Qual o endereço da princesa?"
Iihihih piorou ???? Antes era só "oi princesa", agora ela tem que ter endereço...
Vamos combinar que é um horror esse tipo de cantada, não acham?
E - "Aonde você malha?"...."Qual o seu signo?"
Ah! Poxa vida"! Será que não conseguem ser mais criativos, mesmo depois de anos se passarem e essa conversa ficar superfora de moda????
E aqueles bobos que vivem na noite e que não se enquadram? Bebem demais, fumam demais e os eteceteras a gente até deixa pra lá....Nem dá para levar uma boa conversa, estão totalmente "over"..."out"...uma chatice...
Já topou com um desses tipos por aí? Que falou barbarid…

"amiga" irritante...

Mulher tem aquele jeito mesmo de perguntar sobre tudo - qual o perfume que a amiga usa, onde comprou aquela blusa linda, brincos e tudo o mais...Mas o que mais irrita é quando começa a invadir a privacidade...Sabe aquela menina que faz parte do grupo, nem tão íntima assim, que sai fazendo mil perguntas sobre como conseguiu encontrar o seu namorado?
- Onde conheceu?
- Como?
- Por que?
- O que fez no primeiro dia?
E por aí vai...Uma curiosidade só que dá nos nervos...No mínimo morrendo de inveja porque se tem alguém ao lado e ela...nada...É claro! Quem atura?
Poxa! É de matar quando tem ( tem - entre aspas)que conviver com uma pessoa assim. Sempre dá em cima dos homens da outra. Fica de olho quando se está beijando na noite, olho colado no seu "ficar" como se quisesse entrar no meio...Já conheceram alguém assim? Que do nada coloca as mãos nas mãos do seu namorado na sua frente? O sangue sobe, parece que o coração vai explodir...Ou o barraco desce, ou é melhor ficar quietinha fingind…

Dor de amor...

Existem momentos tão complicados na vida da gente, não é mesmo? Não sabemos como reagir a certas dificuldades, escolher em ficar com o nosso amor ou seguir em frente, porque a barra está pesada demais...Se continuar a relação, sabe-se que vai ser uma guerra e deixar para trás pode dar uma saudade danada...O que fazer? Ser racional nesses momentos é acima de qualquer esforço, e, ficar no emocional pode levar a um sofrimento acima de nossas forças. E como esquecer? Deixar para trás o que foi tão bom de ser vivido? Conseguir deitar na cama a noite e não sentir aquele vazio deixado pelo bem-querer? Talvez ele nem estivesse tão presente assim, é verdade, mas sua marca deixou rastros, aquele lugar, mesmo sem seu corpo, sempre foi aquecido...com as tais lembranças, dos beijos, dos amassos, das palavrinhas doces, das brincadeiras entre um ato de amor e outro...Poxa vida! Por que temos que optar? Seria tão bom não fazê-lo!!! Deixar pra lá, só curtir...mas não dá...Dói "aqui dentro", …

feminismo feminino

Glamourosa, espetacular, linda, bem-humorada, divertida, fascinante, uma mulher capaz de despertar os mais inexplicáveis desejos, portadora de uma inteligência madura, criativa e contemporânea. Antenada e com o tempo tomado pelo trabalho. Possui excelente carreira, cursos de extensão, MBA e ainda consegue dizer, apesar de ocupar um cargo altíssimo em sua empresa, que adora os homens. Também se cuida, veste-se bem e faz com o maior prazer. Femme fatale... Seria essa derivação genial da mulher que conquistou um patamar que jamais alguém pudesse esperar? Ela, a "Mulher Alfa", a espécie feminina que vem sendo, cada vez mais, admirada e valorizada na sociedade.

Esta mulher não tem medo de ser "mulherzinha". Ir ao salão de beleza e curtir os mais sofisticados tratamentos de todos os tipos, que vão deixá-la ainda mais poderosa. Pele macia, tom de voz provocante, olhar sedutor, aulas de performance para melhorar a sedução, roupas íntimas pra lá de excitantes... Possui ainda…